Publicado por: Where I Belong | novembro 20, 2009

I’m a military guy

Ja tem dias que tento escrever esse post e sempre paro na primeira linha. Aqui estou eu tentando mais uma vez. Queria nao ser muito emocional e apenas escrever um texto curto e básico mas acho que vai ser difícil. Desde 2005 no Orkut.. Comecei na Brasileiros em Toronto de onde fui resgatado pela Maura.. de la para a MMA e depois  na GO Canada..
Ja sao quase 5 anos.. Seria impossível calcular a quantidade de informações que passei e que recebi.. Voltando para 2002, quando cheguei ao Canada com um visto de estudante e no aeroporto mesmo tomei a decisão de nunca mais voltar ao Brasil, me lembro claramente do que um dos meus melhores amigos me disse:
“Otavio, o que vc vai fazer no Canada? Vc tem 36 anos, nao fala uma palavra em inglês. Vai fazer o  q la?  Faxina e construção? E depois voltar ao Brasil tirando onda e abrir uma bar para vender cachaça?”

Eu nunca esqueci disso..  A amizade nunca mais foi a mesma e ate hj esse texto ecoa na minha cabeça.   Rancor?  pode ser.. mas nao sou santo e realmente nunca pude perdoar.
No Canada sofri o que ninguém pode imaginar. Fui roubado, perseguido.. ameaçado..  passei dias encurralado num apartamento chorando de medo da imigração chegar e me prender..
Ate a vida de meus filhos foi ameaçada.. Tive que gravar as ligações em que a pessoa afirmava que, caso eu nao voltasse para o Brasil, iria matar meus filhos e que sabia meu endereço aqui e que já tinha amigos que iriam me pegar e me matar. So depois de ter essa gravação (que guardo ate hj) foi que fiquei livre do tormento que era viver daquela forma. Nunca o denunciei a policia (ate hj poderia fazer isso já que esse tipo de crime nao prescreve no Canada)  pois nao iria me sentir bem em fazer isso.. Mas guardo as gravações..
Isso sem eu nunca ter ficado um dia sequer ilegal..  O que a falta de informações nao faz com uma pessoa..  Sozinho, sem amigos, sem família, sem falar inglês , sem saber nada de leis…
Tudo isso pq nao conhecia as leis e nem meus direitos e estava sendo ameaçado por alguém que passou a me odiar sem motivo algum. So pq eu disse que queria estudar ao invés de trabalhar. Queria aprender inglês. Queria vencer de verdade no Canada. So pq nao aceitei os conselhos e os empregos que ele queria para mim. Com tudo isso nao desejo o mal a ele. Que seja feliz e realize os sonhos…
Foram muitas coisas que ninguém sabe e que nem vale a pena contar.  Fiquei mais de 2 anos sem ver meus filhos com o processo deles parado na mao do oficial e quando liguei para o consulado pedindo pelo amor de Deus que me dessem alguma informação escutei da oficial:
“Nao me conte seus problemas eu nao sou assistente social”
Tive depressão, tristeza, problemas e venci tudo.. Mas tb tive inúmeras alegrias… A luta foi difícil..  do zero em inglês ate os dias de hj em que continuo com um acento dos infernos muita coisa mudou… menos a minha garra..  seja nos momentos bons ou ruins eu nunca enfraqueci..
Perdi amigos, ganhei irmaos… foram muitas perdas e ganhos.. mas nesses 7 anos cresci muito e faria muita coisa diferente se pudesse voltar ao passado..  So nao mudaria uma coisa: Eu vim ao Canada para estudar e resolvi ficar para ter uma vida boa, tranquila e de sucesso. Vim para fazer a diferença.
Resolvi aprender imigração para entender os motivos que meu processo estava demorando tanto..  Estudei com um tradutor automático usando o Google e o site do CIC e em menos de 3 meses estava dando aula ao meu advogado..  passei a fazer o serviço dele.. passei a cuidar de meu processo e ele so assinava.
Aprendi tanto que passei a ajudar nas comunidades do Orkut..  A principio de forma anonima.. o “famoso”  Snow Man…  Ninguem entendia o pq do misterio.. Mas era apenas por receio de ser atacado ou ameacado na internet..
Somente a Maura conhecia toda a historia e somente a Maura conhecia a identidade real do Snow Man e me protegia. Alias eu e a Maura tivemos e temos nossas diferenças em varios assuntos mas jamais deixo de agradecer ao apoio que ela me deu e continua me dando sempre que preciso.
Quando resolvi trabalhar com imigração fui fazer o tal curso que me daria autorização oficial mas nao aguentei..  eu sabia mais do que eles ensinavam..  Nao dava para aguentar aquilo e resolvi que iria trabalhar na base da credibilidade..
No começo foi difícil. Trabalhei de graça, cobrei mixaria e aos poucos fui adquirindo credibilidade. Nao tinha propaganda e o boca a boca se encarregou de fazer o serviço. Chegou um momento em que tinha que trabalhar 14, 16 horas por dia.
Passei a recusar novos clientes pois nao dava conta do serviço. Eu amava o que fazia e a cada pessoa que vinha ao Orkut agradecer e elogiar meu serviço eu me sentia mais e mais orgulhoso de mim. Eram sempre depoimentos espontâneos.. Nunca precisei pedir que fossem falar bem de mim.
Mais de 4 anos..  centenas de elogios..  mais de 150 processos de sponshorship aprovados sem entrevista, 3 pessoas deportadas e que retornaram ao Canada,  54 work permits aprovados, incontáveis vistos de visitante e estudante, mais de 50 de Skiled Worker .. fora os que ainda estão em andamento….
Ate hoje nenhum processo negado por erro de meu trabalho. Os raros que foram negados foi por causa da mudança na lei e por notas baixas dos candidatos no IELTS. Mesmo assim foram apenas 8 processos.
Fora tudo isso ainda fui a pessoa que encontrou a brecha na lei que deu direito a dezenas de pessoas esperarem pelo processo de sponshorship dentro do Canada mesmo quando era enviado ao Brasil.. coisa que antes se dizia impossível.
Agradeco demais a Debs por ter sido a “cobaia” nessa minha ideia maluca e que deu muito certo..  E, minha ideia, apos ter sido tao criticada passou a ser seguida por todo mundo.. inclusive por quem me criticou.
Processos de sponshorship que facilmente levavam de 1 a 3 anos passaram a ser finalizados em ate menos de 3 meses o que gerava incredulidade geral..  Eu achava graça..  Sabia que, ate entao os processos eram todos feitos na base de preencher formulários..  Comigo eles passaram a ser tratados como uma coisa especial com milhares de detalhes.. cada questão era pensada e repensada de forma a já responder a toda e qualquer duvida do oficial e assim evitar as longas esperas. Nao tenho a menor modéstia em afirmar que mudei a forma como os processos eram feitos.. Hoje minha “técnica” e método é copiado por todos e isso me enche de orgulho.
Mas nao foi somente isso..  a melhor parte de tudo foram os amigos que fiz.. muitos.. alguns se tornaram reais.. outros continuam virtuais e vários nao tive mais contato.. mas ate os que nao tenho mais contato ainda ficou um respeito e carinho.. Volta e meia recebo uma indicação vinda de um deles. Tudo isso nao tem preço.
Mas chegou um momento em que me cansei de tudo. Passei a questionar tudo e a achar que minha vida no Canada nao tinha muito sentido. Quis voltar ao Brasil e fui perdendo o tesao pelo que fazia. Queria trocar de profissão mas nao encontrava nada que me deixasse realmente empolgado.
Passei a buscar um desafio.. um novo desafio..  E esse desafio apareceu em forma de uma vaga no Departamento de Defesa Canadense.
No começo tudo me pareceu meio irreal.. passei semanas em duvida..  cheguei a preencher todos os formulários e nao tive coragem de entregar..
As duvidas era inúmeras ate que um cara numa comunidade sobre a Defesa Nacional me disse o seguinte:
“Cara se voce nao tentar nunca sabera se é capaz.”
E eu fui..
Como nada comigo é facil o processo complicou, demorou e eu ate cheguei a pensar em desistir..
Foi um processo longo, cansativo e chato pois esse tipo de posicao exige um screning que eles chamam de Top Secret.. Ou seja.. investigam todas as suas credenciais, seu passado inteiro e o de sua familia proxima.. Ninguem pode ter problemas com a justica ou policia e nao pode ter nenhum tipo de problema com sua vida inteira.
Nao adiantava eu fornecer os antecedentes criminais pois quem faz esse tipo de checagem eh o proprio governo atraves dos orgaos de seguranca Nacional do Canada.
So que antes foi preciso reconhecer meu diploma no Canada. Ainda bem que o meu eh em Adm de Empresas e eu tinha cursado mais materias do que a Universidade de Toronto tem no curso dela. Fiquei com mais pontos do que precisava e ate com materias extras.
Depois disso tive que fazer o CFAT.. que eh o teste em que o CF testa suas habilidade em Ingles, matematica, Calculo e calculo avancado..
Em Julho desse ano saiu meu waiver e recebi um email dizendo:
“your Reliability has been granted”
Foi uma festa pois eu ja tinha ate perdido as esperancas disso acontecer em 2009.
Para quem nao sabe essa frase significa que eu fui considerado uma pessoa de confiança pelo governo.
Depois de tudo pronto eu fui para a minha terceira e ultima entrevista (Agosto) com uma Oficial da linha de comando.. Fiquei sendo entrevistado por mais de 4 horas e no final fui aprovado e enviado para exames medicos..
Ai comecou a via crussis pois so tinham vaga em setembro.. O medico me examinou e como eu tenho mais de 40 anos tive que ir a especialista para tudo.. Desde exames de vista ate controle de pressao arterial passando por ECG, teste de drogas, de medicamentos controlados, etc.. Como eu nao sou militar tive que levar os pedidos ao meu family doctor que entao marcou os especialista.. Imagine para quando? Janeiro, Março e um em junho/2010… me desesperei.. fui eu mesmo em todos eles.. expliquei a situacao a secretaria.. me ofereci a pagar particular.. e so entao fui fazendo as consultas e os exames.. o povo me colocava na lista de espera e eu ligava todo dia praticamente implorando.. Em um mes e pouco eu acabei tudo..
Dai que nessa demora toda eles fecharam a turma que ia em Novembro, 2.. e eu fiquei para a proxima turma que comeca em Janeiro/2010..
Agora eu estou contando os dias.. parece que o tempo parou…
Bem eh isso ai a historia toda.. ja tem tempo que vem acontecendo mas eu nao tinha falado nada a ninguem pois nao sabia se iria conseguir e nao queria criar falsas expectativas…
Mas agora posso ate gritar:
Agora faço parte do National Defence and Canadian Forces.
Obrigado a todos que estavam ao meu lado nesse desafio. Meu agradecimento especial a Atila, Marques, Igor e aos meus filhos que ficaram felizes, sofreram comigo e seguraram minhas barras a cada vez que eu fraquejava.
Obrigado a Maureen por tudo.. ela sabe o que esse “tudo” significa…  garota você é especial demais..  E vai viver para sempre no meu coração…
Meu juramento à Rainha sera dia 16 de dezembro no escritorio central de recrutamento do CF e todos estao convidados.
Estou extremamente feliz e orgulhoso.
Farei o mesmo juramento que o Primeiro Ministro faz quando assume o governo. Diferente do juramento de cidadania.

I, Otavio Gouveia, do Solemnly swear that I will be faithful and bear true allegiance to Her Majesty Queen Elizabeth the Second, Queen of Canada, Her Heirs and Successors according to law, forever. So help me God.
Anúncios

Responses

  1. Hey Otavio, bacana ler sobre sua jornada…sabe que eu nunca soube nada da historia “por tras do Snow Man”?!
    A desinformada…rs e tb nao sabia que fui sua cobaia…kkkkk fui soh na feh 😉 e valeu muito a pena! Logo logo vou ter que achar outro “Otavio” pra fazer meu processo de cidadania…nooooooo!

    Parabens pelas suas conquistas! Vc eh um cara batalhador, esporcado, persistente (teimoso?) e a vida sempre recompensa os bravos 🙂 vc merece!

    • Oi Debs.. Cobaia, cobaia nao foi.. é mais uma forma de expressar… quis dizer que vc arriscou com alguem que vc nao conhecia…

      Obrigado pelos elogios.. saiba que te admito muito tb.. quando vc fala em batalha, esforco e persistencia tb esta falando de voce.. Sei que vc tem esses atributos.. nao eh atoa que vc esta vencendo aqui…

      Um forte abraco..

      Otavio

  2. Very proud of you!!!!

    Ah Otavio li todo seu relado, e para ser sincera, foi emocionante, pena que acabou, mas estarei por aqui sempre para acompanhar sua trajetoria.
    Todos aqui em casa estao felizes por voce!

    Onde vai ser seu juramento?

    Viviane

    Meu marido vai escrever agora ele esta te convidando para “the best salmon fishing the world, we love to have you, as our guest, (Viviane’s cooking is to die for), exemple: Go out on the boat catch salmon, find place to ancore for the night, set for crab traps, pull up fresh crab, feast, drink wine then sleep, catch more salmon or if salmon fishing is slow we pull out 12 gauge and shoot the skeeks or go bottom fishing for halibut.
    This is at least to nights, three days out on a boat.
    Let us know when you come!
    This Canadian feels very proud to have you here, thank you for everything you have done for Viviane and me!

    Roger Bigras.

    • Hello Roger & Viviane..

      Thank you for you words.. you guys r so special and i’m very proud to have u as a friends..

      I would love to visit you and I will do it .. that would be amazing to spend some time fishing….

      Cheers

      Otavio

  3. É isso ae, acompanhei de longe a história, mas definitivamente sincronizado e sintonizado no que acontecia… afinal tive minha via crucis particular no que se refere a ser investigado sem saber o que acontecia… era uma agonia… entendi MUITO bem toda a sua preocupação e sei muito bem como é esse sentimento de vitória. Afinal, se hoje estou no Canadá, é SIM em parte a ajuda que você me deu… as dicas pra entrevista… e a inspiração pra encarar um processo de Business, Self-Employed que parecia uma caixa preta, afinal não se encontrava um brasileiro disposto a falar sobre isso.
    Otávio, toda a sorte e sucesso desse mundo pra ti, e tenha certeza que a recompensa será gratificante. Ainda vai vir aqui perto pra Victoria, e depois tomar uma chuva básica na visita aqui em Vancouver… hua hua hua!!

    • Cara nem me fale em agonia.. acabou uma mas em breve comeca outra etapa.. Mas a vida so tem graça assim.. tem que ser na base dos desafios.. Vc bem sabe disso.. Boa sorte ai na nova vida em Van.. espero que em breve eu seja seu vizinho…

      Abracao

      Otavio

  4. Poxa, Otávio…
    Sempre soube q vc é um cara esforçado, mas nunca imaginei uma JORNADA como esta. Se tem alguém q merece parabéns e tem todo o direito de sentir orgulho de si próprio, esse cara é vc.
    Receba minha sincera admiração e congratulação.
    Alex.

    • Oi Alex.. realmente tem sido uma jornada… Mas sempre que a coisa aperta buscamos energia e coragem ate de onde ela nao existe.. O mais dificil eh manter a calma e ter paciencia…

      Abracao…

      Obrigado..

      Otavio

  5. Fala Otavio!
    Parabéns por todas as suas conquistas e principalmente por vc sempre acreditar e jamais desistir por qualquer obstáculo.
    Como já te falei e escrevi muitas vezes: vc é um grande exemplo para muitos de nós!
    Parabéns mais uma vez e boa sorte para vcs todos na nova vida de militar!
    Muito obrigado por tudo o q vc já fez por mim!
    Abraço.
    Roberto

    • Obrigado amigao… Espero que em breve vc esteja aqui… Grande abraco

  6. Parabéns Otavio, você merece tudo o que esta colhendo e certamente alcançara novas conquistas.

    Conte sempre com o nosso apoio e boas vibrações.

    abração

    • Valeu Fernando.. Qualquer coisa estamos ai. abracos..

  7. Oi Otavio, legal saber da historia do Snow Man.. ( ainda lembro da sua foto escura, só da neve).. Nossa.. começinho de vida no Canadá..

    Embora eu mesma nunca tenha “usado” seus serviços( pq passei horas, de anos lendo o cic e as comunidades) eu sempre falo pra todo mundo de vc e agora vc está até cuidando de uma carioca mto especial pra mim..

    Parabéns por mais uma conquista! Eu não tinha entendido ainda se vc tinha se animado com seu filho no exército e quis ser militar tb, mas fico feliz por vc. Então tem perigo de vc virar vancouvioca?? hahaha.. aí eu quero ver..

    Acabei saindo da comunidade por falta de tempo, pq se eu estivesse lá eu entraria todo dia..mas tb a vida anda.. tá na hora de outras pessoas assumirem a posição dos antigos..

    Felicidades e sucesso!

    Patricia – Vancouvioca mais apaixonada por Vancouver

  8. Legal ler sobre a sua batalha amigo Otavio!
    Deus ja ta te usando nessa tua nova empretitada no Canadian Forces cara. Digo isso pois não conhecia nada de vc nessa história de imigração. Te procurei por te achar no meio da comunidade do Canadian Forces, eu buscando informações a respeito, e vc ja com sua experiência me ajudou a encontrar um caminho melhor… Por isso digo que vc ja esta sendo usado pra fazer o bem no Canadian Forces! Parabéns pela conquista meu amigo canadian soldier!!!

  9. Meu querido amigo Otávio,
    Fiquei muito emocionada em ler teu relato. Nele conheci um pouco mais de um amigo que so vi uma vez, em julho de 2006. Apesar deste nosso unico encontro, saibas que foi muito signifcante para mim. Tinha e ainda tenho a sensacao de que ja somos amigos ha muito tempo e que as vezes nao precisamos estar por perto para provar amizades.
    Saibas que estou e sempre estarei vibrando com tuas vitorias e dando meu suporte quando precisares. Espero que morando em Victoria, tenhamos chance de nos evr novamente e apresentar nossas familias.
    Virei ao teu blog sempre que possivel para acompanhar tua nova jornada.
    Sempre te admirei e agora sabendo um pouco das coisas que passaste quando aqui chegaste, t admiro ainda mais.
    Conta comigo!
    Beijos para ti, Átila e teus filhos

  10. Muito bacana o seu depoimento e a sua história de vida no Canadá Otávio!!!!! Ainda não conhecia todos os detalhes e acho que ainda deve ter muita coisa que não foi dita.
    Acho que isso pode acabar dando em um livro hein, rsrsrsrsrsrsrs!!!!!!
    Boa sorte na sua cerimônia.
    Lembranças a todos aí. Dê um beijo em Domi-domi, hehehehe!!!!

  11. Sou testemunha de tudo que vc ja passou e o qto vc eh guerreiro, tenho muito orgulho de vc… Otavio Gouveia eh sinomimo se superacao e inteligencia, coragem e esforco. Amigo, companheiro, fiel e confidente… Sou suspeita pra falar o quanto estou feliz com a sua conquista e sei que este eh apenas o comeco de uma carreira que sera bem mais do que apenas “bem sucessida”… Vc merece tudo isso e muito mais por tudo de especial que vc eh… e conte sempre comigo…
    Deus te ilumine hj agora e sempre.
    Bjoo

  12. Otavio,

    Eu te admiro muito! Sou sua fa, um cara batalhador e vencedor. O seu relato encheu meu peito de esperanca e motivacao.
    Vim pra ca pelo processo sponsor outside, um dos q terminaram em 3 meses, mesmo nao podendo contratar seus servicos (por questao financeira), vc nunca negou informacao e orientacao. Eu sou muito grata por isso, de coracao. Obrigada por ter feito parte da minha historia.
    Minha vida mal comecou aqui, fazer 2 anos de Canada apenas, e vieram filhos, etc. Sou formada no Brasil (Enfermagem) e pretendo lutar pra conseguir trabalhar aqui nessa area, escuto todos os dias pessoas me dizendo q nunca conseguirei, anao eh possivel pq o governo (alberta) nao esta mais contratando enfermeiras, etc e tal …mas eu entendo q tudo eh possivel ao q crer e ao q luta! Vc eh prova real disso! Te admiro muito!
    Desejo toda sorte de bencaos nessa sua nova vida…vc estara nas minhas oracoes!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: